Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]
Você esta em: Home: > Noticias > Mulher de Toffoli e ministra do STJ também foram alvo da Receita

Mulher de Toffoli e ministra do STJ também foram alvo da Receita




A advogada Roberta Maria Rangel, mulher do ministro do Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), e a ministra Isabel Gallotti, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), também aparecem entre os nomes de contribuintes citados pela Receita Federal na investigação que mirou 134 agentes públicos.

O Estado teve acesso a uma lista com parte dos nomes que aparecem no material produzido pela Equipe Especial de Programação de Combate a Fraudes Tributárias (EEP Fraude), grupo criado no Fisco para fazer uma devassa em possíveis irregularidades tributárias envolvendo agentes públicos. A criação do grupo foi revelada pelo Estado em maio de 2018.

Para escolher os agentes a serem alvo, a EEP mapeou os agentes públicos com base em filtros, entre eles, o patrimônio superior a R$ 5 milhões, aumento patrimonial acima de R$ 500 mil no ano anterior, movimentação em espécie acima de R$ 500 mil ou valor de rendimento isento acima de R$ 500 mil. Além do próprio contribuinte, o mesmo foi utilizado para parentes de 1º e 2ª grau, sócios e pessoas jurídicas com algum tipo de relação.

Por Fabio Serapião e Rafael Moraes Moura, no Estadão.



Fonte Notícia -> :Fonte Notícia

FacebookTwitterGoogle+linkedinemailMore




 Desenvolvimento   F7 Sistemas & F2 Sistemas| Hospedado em: Hospedeme 

Mude para versão para dispositivos móveis deste site